sábado, 25 de março de 2006



foto: http://www.mochilapastoral.com/imagcartelera_1.htm, alterada por Tom.
“Abençoa, Senhor, as famílias, amém! Abençoa, Senhor, a minha, também.”

(Pe. Zezinho, SCJ)


Porra, eu não agüento mais!


Todos os dias, sempre a mesma guerra! Todos os dias, viver num campo de batalha! Isso não é jeito de viver pra ninguém!


Sumindo sempre e voltando pra casa altas horas da madrugada... Ignorando sua esposa... Cobrando sempre satisfações sem dar alguma... Viajando pra longe e sem dar notícia alguma, deixando todos preocupados... dando mais atenção a quem nem enxerga que você existe a não ser quando convém.. isso é vida, pai?


Guardando ressentimentos o tempo inteiro e jogando indiretas... chorando pelos cantos... fazendo piadas preconceituosas, acusações constantes... você acha que isso é vida, mãe?


Por que vocês estão fazendo dessa casa um inferno? Por que insistem em dar murros em ponta de faca? Por que querem me ver sofrer tanto? Por quê?


Onde está o respeito? Onde está o carinho? Onde está a comunicação?


Tudo o que eu quero e peçotanto a Deus é que vocês sejam felizes... se dêem essa chance... Por que vocês não se separam logo e vão ser felizes de uma vez?

13 comentários:

Brett Penace disse...

Sem dúvida, não é uma situação das mais fáceis de se viver. Até qe eles descubram que se separar pode torná-los mais felizes, pode levar tempo. De repente, só mesmo o tempo pode vir a mostrar o caminho para eles.
Blog legal mesmo e muito bem escrito, parabéns! Se puderem, visitem o meu.

Carlos disse...

Tom, sem dúvidas alguma, existem certas situações que só o tempo para resolver, outras de tão dificeis, são enroladas ao máximo, essa é uma delas. Separar significa destruir tudo que que haviam planejado e sonhado e nós temos semrpe a impressão de que tudo passa ou passará.... Sei que não é nada fácil isso. força sempre e conte sempre come ste amigo, escrever e botar isso para fora sempre ajuda. Abraços e apareça, vim retribuir a visita do Wallace e não podia ser indiferente a esse desabafo.

Flávio Perina disse...

Muito interersasante essa crônica: O outro lado da família. Escrita de forma simples e inteligente. Valeu...

Leo disse...

Aeee, concertaram o sistema de comentarios.
Essa crônica foi muito legal.
Bem, eu não tenho muito o que dizer sobre familia como vcs devem saber.
Então é isso.
Fui.

TH disse...

Poxa..
caiu como uma luva pro q eu estava precisando mostrar a uma amiga
Tenkiu Tommm..you're 10!!

Anônimo disse...

Na verdade, a separação é realmente o último caso. Resolve-se alguns problemas com a separação e surgem novos problemas também. Só achei que soa meio desconexa a música do Pe. Zezinho no início. Pelo que entendo da Bíblia, Deus não é a favor da separação. Volta a ressaltar, essa é mesmo uma "solução" para ser perseguida somente em último caso!

Aqueta
aqueta.zip.net

eduardo disse...

Muito bom.
gostei desse espaço.

http://oliveira-freire.blog.uol.com.br

eduardo disse...

Visite o meu blog, sem compromisso:

http://spaces.msn.com/entrevistaseartigos/blog/

alessandro disse...

Meus pais sempre foram separados, mas tive que morar sózinho p não aguentava escutar piadas preconceituosas ao meu respeito da parte dela

wallace puosso disse...

Caro tom... simples, direto, cáustico. Onde é real, onde é ficção. A ambiguidade literária me atrai. Abraços!

Roberto Queiroz disse...

Recentemente li O Caçador de Pipas, de Khaled Hosseini. Uma obra-prima. O autor traça uma parábola sobre o Afeganistão dos últimos 30 anos. Após terminar o livro, parei para refletir sobre o que realmente importa nessa vida. A conclusão a que cheguei é que é melhor vivermos as pequenas oportunidades como se fossem grandes do que não aproveitar nenhuma oportunidade. Nem sempre a vida dá aquilo que queremos de fato. Mas isso não significa que ela não nos dê nada. Abraços de um admirador de blogs alheios.

Elza do Blog do Beagle disse...

Real ou apenas escrivinhado, é perfeito e lindo. Diz tudo o que se sente quando a desarmonia já se instalou. Elza

Elza do Blog do Beagle disse...

Minininhuuuuuuuuu é ocê escrevinhando lindo assim? Bjkª da Elza